domingo, setembro 06, 2009

Estudo #01

Fez-se feito um ninho
Desfeito em ramos poucos
Pétalas de um passarinho
Tombado um canto rouco

Negra nuvem molha o pranto
Clara chuva lava a face
Pobre alma que desce um tanto
Num ingênuo enleio que se enlace

Aos brados mansos de fera
A fúria morna se desfaz
Como feita em ninho que era
Um pouco morta repousa em paz